5 motivos para oferecer um convênio de saúde aos seus funcionários

5 motivos para oferecer um convênio de saúde aos seus funcionários

O Instituto Ibope Inteligência fez, neste ano, uma pergunta aos brasileiros: “qual é o seu maior desejo de consumo?”. Entre as respostas surgiu o item ‘plano de saúde’, o terceiro colocado da pesquisa, atrás apenas da educação e da casa própria, respectivamente. A resposta é sintomática. Afinal, a população convive, diariamente, com a precariedade do atendimento oferecido pelo sistema público.

A análise, encomendada pelo Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS), também mostrou que 54% dos entrevistados não possuem mais o benefício. No entanto, 73% das pessoas desejam ter ou voltar a ter a prestação de serviço particular. Essa escolha é motivada pela qualidade do atendimento, pela maior facilidade de acesso médico e pela disponibilidade de tecnologia mais recente.

Por isso, muitos brasileiros têm apertado o orçamento e optado por contratar um convênio médico em vez de depender do Serviço Único de Saúde (SUS), mal avaliado pela população em geral. Mas não é apenas esse público que está em busca da segurança oferecida pelo atendimento privado.

Os empresários preferem não arriscar quando o assunto é a saúde de seus funcionários. Não à toa, uma pesquisa da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH), realizada em 2018, mostrou que as corporações brasileiras investem, em média, de 12% a 20% do orçamento da área de Recursos Humanos com assistência médica. Esse valor perde apenas para a folha de pagamento.

No entanto, as vantagens de se oferecer um plano de saúde aos colaboradores superam um eventual investimento. Separamos cinco motivos que poderão mudar a sua perspectiva sobre o assunto.

Motivação dos colaboradores

Ter um plano de saúde motiva mais o funcionário do que possuir participação em lucros. Segundo um levantamento da Catho, feito em 2014, 74,6% dos entrevistados preferem a assistência suplementar a ganhos adicionais no fim do ano (57%). A razão é que o benefício desperta o sentimento de pertencimento no funcionário, podendo, por um lado, aumentar a produtividade e a entrega de resultados, por outro, diminuir drasticamente as chances de ele deixar o emprego.

Sua empresa na frente

Mais do que uma motivação, o plano de saúde é o terceiro maior anseio do brasileiro, como mostrou a pesquisa Ibope. Ao oferecê-lo aos empregados, sua empresa elevará o diferencial competitivo, atraindo profissionais mais qualificados, capazes de prestar um serviço mais completo e assertivo para seus clientes.

Acidente de trabalho

Além da questão competitiva, nenhum empresário deseja que acidentes ocorram em sua empresa. Mas, caso aconteçam, o convênio médico ajudará a solucionar o imprevisto e amparar o colaborador. Neste cenário, oferecer um plano de saúde demonstraria que a organização se preocupa com a qualidade de vida no trabalho.

Menos absenteísmo e afastamentos

Com um bom convênio, a tendência é que os colaboradores cuidem mais da saúde, indo ao médico e fazendo exames frequentemente. O resultado disso são funcionários mais saudáveis e menos faltas, atrasos e afastamentos. Além disso, eles podem se tornar mais produtivos por se preocuparem menos com o futuro.

Escolha do plano

Algumas organizações ainda resistem à ideia de oferecer um plano de saúde devido ao alto custo, a complexidade e o longo prazo de vigência dos contratos. Mas, para fazer uma boa escolha, você não deve focar só no preço. O primeiro passo é avaliar o perfil dos seus colaboradores. Não adianta proporcionar um plano de saúde qualificado, mas que não atenda às necessidades da sua equipe.

No próximo texto, mostraremos como escolher o melhor plano para a sua empresa e com um preço acessível.