Hábitos para manter a saúde mental no trabalho

Hábitos para manter a saúde mental no trabalho

Novos tempos pedem novos hábitos por parte dos cidadãos. Diante do cenário de pandemia do novo coronavírus (Covid-19), milhões de pessoas precisaram reaprender a resolver problemas, reorganizar suas rotinas e ter mais autonomia para manter a saúde mental em ordem.

De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), 300 milhões de pessoas sofrem com a depressão e 260 milhões convivem com transtornos de ansiedade em todo o mundo. O estresse crescente nos últimos meses tem acentuado esses números e exigido atenção por parte de empresários, gestores e funcionários.

Com a pandemia, os cuidados com a saúde mental no trabalho têm sido cada vez mais recorrentes em ambientes organizacionais que entendem a importância de uma gestão humanizada. Valorizar o bem-estar significa melhorar a qualidade de vida do colaborador, aumentando, por consequência, a eficiência no trabalho.

O que é ter saúde mental no trabalho? 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), saúde mental no trabalho é a situação de bem-estar na qual o funcionário consegue usar suas próprias competências, recuperar-se do estresse do dia a dia, ser produtivo e colaborar com a sua comunidade. Mas, com o avanço da pandemia, manter a mente equilibrada e saudável tem sido um desafio ainda mais complexo.

Segundo uma pesquisa da OMS, em virtude da perda de produtividade, estima-se que os transtornos depressivos e de ansiedade gerem um custo de US$ 1 trilhão por ano à economia mundial. Mas a piora da saúde mental no trabalho não impacta apenas as finanças; ela degrada, inclusive, as relações interpessoais.

Diante da importância do tema, destacamos alguns hábitos que podem lhe ajudar a manter a saúde mental no trabalho. Vamos conferir?

Como ter um ambiente mais harmônico  

Trabalhar em harmonia é o primeiro passo para assegurar a saúde mental no trabalho. Saiba como estimular com ambiente equilibrado e saudável com hábitos que podem ser praticados no dia a dia:

  • Combata pressões desnecessárias, situações de assédio e humilhação;
  • Incentive a colaboração e a socialização;
  • Respeite horários de trabalho e de descanso. Desconectar-se do trabalho e das responsabilidades são atitudes essenciais para a saúde mental;
  • Tenha equipe qualificada para ouvir e ajudar funcionários em situações difíceis. 

Saiba os seus limites e da sua equipe 

É preciso conjugar um ambiente corporativo harmônico com a clareza em relação aos limites de cada colaborador e/ou equipe. Os prazos e demandas devem ser cumpridos sem que ninguém adoeça em função da sobrecarga de trabalho. Comece a praticar o bem-estar no trabalho com as seguintes dicas:

  • Defina prioridades: faça uma lista de tarefas;
  • Delegue mais: não monopolize as responsabilidades;
  • Saiba seus limites: aprenda a dizer ‘não’ para evitar sobrecarga;
  • Não extrapole os seus limites por períodos longos ou frequentes;
  • Se realizar um turno mais longo, durma e alimente bem;
  • Pratique atividades de respiração e inspiração para se acalmar: inspire pelo nariz, dilatando os músculos do abdômen, e expire contraindo os músculos. 

‘Dicas de ouro’ 

Como a vida pessoal também influencia o bem-estar no trabalho, anote – e adote – alguns desses hábitos valiosos:

  • Alimente-se de forma saudável e nutritiva;
  • Pratique exercícios físicos;
  • Retire o foco do trabalho e diversifique seus interesses, incorporando passatempos à sua rotina;
  • Ao menor sinal ou sintoma de perturbação emocional, não hesite em consultar seu médico.

Ao adotar esses novos costumes, você verá que, aos poucos, simples mudanças levarão você e sua equipe a grandes resultados. Por isso, pare e reflita: como está a sua saúde mental? Se não estiver 100%, procure ajuda. Não existe resultado duradouro sem uma mente saudável.

Gostou do texto sobre novos hábitos para manter a saúde mental no trabalho? Então, aproveite a visita ao nosso blog e saiba como gerenciar conflitos para aumentar a produtividade!

Deixe uma resposta